sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

Ódio


Sons que ouço ao longe,
Vozes que me chamam,
fraquejo e olho,
sabendo que me queimam.

Falam estranho,
sussurram caladas,
gritam em coro,
palavras fechadas.

Medo tenho eu,
de um dia entender,
palavras vãs que no meu,
leito se poderão perder.

Não quero ouvir,
muito menos ter saudade
me livrem de sentir
tamanha maldade.

É algo que me corrói
me põe sem sentidos
e devagarinho mói
os sonhos já vividos.

Leva a lembrança do amor
guarda o calor que resta
embrulha a paixão e o fervor
e fica só o que não presta.
(por mim)
*Agradeço a preocupação de quem sentiu a falta da minha escrita, de momento estou com o braço direito doente e não me deixa estar aqui muito tempo, só para escrever este post estive aqui quase meia hora.
Aproveito para deixar beijinhos para todos os que me visitam e desejar um bom fim de semana :)

22 comentários:

bia disse...

"É algo que me corrói
me põe sem sentidos
e devagarinho mói
os sonhos já vividos" (amei isso).
Você é uma pessoa sensível e intensa com as palavras, querida amiga...e, nos toca de maneira única, nos deixando mais felizes daqui.
bjos, com carinho.

Marcia Neves disse...

Um dia o Amor perguntou ao Ódio...
"-Ódio porque me odeias tanto?"
O Ódio respondeu...
"-Porque um dia te AMEI demais."
Muito lindo teu poema, lindo e tocante.

Márcia Neves

marta disse...

olá, venho convidar para conhecer o meu espaço novo.
Conjuga fotografias com textos... espero que goste de me visitar.
Comecei hoje mas espero poder andar por estes sítios muito mais tempo.
Beijo.
Marta.

ESTOU AQUI:
http://marta-essence.mine.nu

O Profeta disse...

A terra adormece no nevoeiro
Tenho a pressa do vento
Um coração errante procura
A doçura de terno momento

Frágil e palpitante luz
A beleza voa com a manhã
O mar solta na terra ternos murmúrios
Perde-se na espuma toda a palavra vã




Bom fim de semana


Mágico beijo

Beatriz Vieira disse...

Oi Xana

Também estive em silêncio por uns dias.. pois estava refletindo..sem ter o que dizer..
Espero que melhores logos desse bracinho e continues escrevendo essas coisas lindas

bjs e ótimo final de semana!

Xana disse...

Muito Obrigado a todos , desculpem não responder um a um , mas hoje tá dificil escrever.
Beijos

Sérgio Franck disse...

Xana, melhore logo para poder continuar a poetar, nos inspirar com seus perfeitos escritos...

Bom fim de semana, beldade!

Multiolhares disse...

Temos de tapar os ouvidos e escutar outras vozes.
Espero que fiques bem logo, não deves esforçar o braço.
beijinhos

Henrique ANTUNES FERREIRA disse...

Xaninha

Melhora depressa, jáaaaaaa!!!!!!!!!

Dores são péssimas. Ódio éoke lhes tenho. Dizem que de todas a pior é a de cotovelo; ainda não tive, só de dentes e dalma. Êká, contento-me com poucoxinho, ou chinho, ao pé cochinho, ou xinho.

Já te sigo, sem dores. Juro, mas quem mais jura mais...

Agora, a sério: vê se te cuidas.

Qjs

OUTONO disse...

Boas melhoras...

Quanto ao poema...apesar do tema, é um mar de sensibilidade a premiar.

Perfeito amiga.

UMA PAGINA PARA DOIS disse...

Tem as estrelas da manhã
alinhadas em circulo
como um farol de aviso
aos navegantes
incautos e perdidos
que me habitam ...
Se eu pudesse
mascarava-me de lua nova
(que se esconde nas tramas
nebulosas
do meu sentir)
e escarnecia das sombras
fantásticas
que me desafiam
com versos...
(Maria Flor)

Só passei para te desejar um final de semana lindo com muito amor...
Abraços

Nade disse...

Amada, estou saindo de férias e ficarei um pouco ausente da blogosfera... Claro que tentarei estar presente, mas não será com a mesma frequencia. Por isso, fiz um selinho pra que não esqueçam de mim... ;) É um presente, não tem nada de repasse obrigatório ou algo do gênero, ok! Repassa, se quiser... Está lá no meu blog. Pega ele pra você!
Fique com Deus e que tenha muita paz no coração!
Prometo que terei muitas novidades para dividir!!!
Um beijão!

Anónimo disse...

Longe (o)estranho medo (da)maldade corrói (o)amor. Adorei o poema Xana.

Abraço das Letras

bia (objetos de cena) disse...

melhoras...te desejo td de bom!
saúde e paz!

Amelie disse...

recebeu o meu comentario?

LUZIMAR disse...

"A amizade permanente não se compra e não se vende, não se ensina e nem se aprende, nasce e morre com a gente!"(Flávia Milena).

Olá Xana, sei que é uma receitinha mágiuca mas por isso deve ficar super gostosa...., passando para deixar meu abraço de carinho e amizade.

Desejo a você um lindo fim de semana.

Luzimar

Rosa caída disse...

Desejo muito as melhoras do bracinho e um bom fim de semana.

Na relação amor/ódio espero que prevaleça o amor.

O que resta, o que não presta, coloca num balão e sopra nele e solta-o ao vento, até o perderes de vista.

Vou colar seu selo em meu blog que vai ficar bem mais bonito.
Obrigado e um beijinho.

Fabiano Roberto disse...

infelizmente neste mundo existem muito mais coisas ruins do que boas para se falar...

mas quem sabe um dia chegaremos em algum lugar onde não exista ódio e outros sentimentos inferiores

JPD disse...

Olá Xana!

Belo texto e excelente ilustração.

Convalesça rapidamente do braço.

Bjs

tossan disse...

É impossível não levar as lembraças e fica só o que não presta, as vezes...Gostei muito! Bj

Juliana do neo:) disse...

Ei amiga como sempre texto lindo!
Melhoras aí com o braço,..Deus abençoe!
Bjos e tudo de bom!

Xana disse...

Meus amigos e leitores, agradeço que coração os desejos de melhoras e que me gostem de ler.

O meu braço está melhor , apesar de ainda não poder abusar :)

beijinhos para todos.