terça-feira, 6 de janeiro de 2009

Enquanto...




Enquanto espero por ti,

vou preencher a alma com algodão doce,
para que não seja tão pesada e amarga a tua ausência.

(escrito por mim)

10 comentários:

Eu disse...

Lindo!!!!Amei!!!
Beijo grande!

Cris Rubi disse...

Maizinha, tem um selo pra vc lá no querido diário, se quiser pegar é todo seu.
bjaooo

Dois Rios disse...

Pois é minha querida, a ausência é amarga feito fel, principalmente a definitiva.

Beijos,

Inês

Jorge disse...

Eu para matar saudades vou beber umas cervejolas.

Ein bier, bitte.

§ρΗІПЖ disse...

Saudações amiga Xana,

A ausência é o objeto da saudade, é melodia silenciosa que se mistura com o querer, mas a ausencia não significa falta de presença como se diz nos livros, pode se estar onde não se quer estar, e ser ausente, pode se sentir falta de alguém que não está presente, mas não sai da mente ou do coração...Ausência é a essência que se destila do que sentimos falta

Bjs carinhosos

§ρΗІПЖ

Xana disse...

Pois é, meus sempre presentes leitores e amigos... a ausencia é saudade, é frio,é desconsolo.
Mas a vida não anda sem ela atrelada,muitas vezes pela nossa vida fora , havemos de sentir a ausencia ou saudades de muitas maneiras , e nenhuma delas é agradável.
beijos

Xana disse...

Meu amor , é o que fazes de melhor, sempre aqueces. Hehehehe

Beijos quentes.

Anónimo disse...

Aposto que ela é tão doce quanto este post :*
Palavras sábias, estas.

post curto e, ao mesmo tempo, absolutamente preenchido de sentimentos.

gostei muito
beijos, Sun

Maysha disse...

Que lindo Xana, como se pode dizer tanto com tão poucas palavras.

Desejo-te um dia mágico e deixo um beijo meu

*Bela Poeta disse...

Olá Xana! Enfim arranjei um tempo para dar uma olhada neste irresistível blog. E que doce este poema! O que pode ser mais leve do que um algodão doce? Ele me lembra de épocas em que poucas coisas importavam e, que tudo se resolvia com um sorriso...hoje já não é mais assim, porém a nossa atitude positiva diante de qualquer obstáculo deve ser! Um grande abraço e agradeço a sua constante visita lá na *Bela Poeta. Tchau e bom fim de semana.
Vanessa Pompeu