sexta-feira, 19 de dezembro de 2008



Meu corpo encortiçado.

Minha voz embargada.

Minh'alma sentida e cega.

Mas consciente da realidade...

(escrito por mim)

Enviar um comentário