quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Descalços



Pés nus, sozinhos,
frios , desconsolados.
Procuram caminhos,
em movimentos calados.


Beijam o chão as pedras,
banham-se em poças de lama.
Descansam nas trevas,
na ausência de uma cama.


Destino de negros passos,
que nunca foram rosas.
Aguentam firmes e descalços,
o fim de lágrimas dolorosas.

(escrito por mim)




5 comentários:

Anónimo disse...

Lindo poema... Diz muito para quem o conseguir entender! Ainda bem que gostou do meu hi5. Agora só tem k criar um :-) Fico à espera para visitar eh eh eh. Beijo e continue a escrever assim

Alice disse...

Que lindas palavras !!...tu és mesmo poetiza !


bjusssssss

Beatriz Vieira disse...

que lindo

Essa expressão "beijam o chão" é nota dez!!

bjs querida!
Bea

Xana disse...

Obrigado pelas vossas palavras de incentivo a uma leiga com sentimento.
Bjs para todas voçês!

Adriana Alves disse...

Ola. Passei por aqui só para lhe desejar boa noite