segunda-feira, 25 de maio de 2009

Minha

foto de Zena Holloway




Nas ondas do teu cabelo me banho,

Na maresia do teu olhar me encontro,
Nas dunas do teu corpo me entranho
Só nas tuas areias me reencontro.


Sol que incides nas ondas e me ofusca,
Com a tua beleza de sal imensa

Pele de indefinível sabor e seda branca,

amo-te e deliro numa sublime dança.
(escrito por mim)

21 comentários:

Su disse...

gostei .muitooooooooooo

jocas maradas.sempre

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Essa sua praia de sentimentos, ficou realmente banhada de amor...

Lindo!

Beijo grande, menina linda.

Rebeca

-

Mirse disse...

Quanto lirismo num belo poema de amor!

Parabéns, amiga!

Beijos

Mirse

Maysha disse...

Um mimo,como sempre menina Xana, muito belo.

Ficas convidada se a pescaria for boa, mas o mais certo é teres de passar pelo supermercado LOL
Beijinhos Xana, boa semana

Giane disse...

A praia nunca mais será a mesma depois de ler teu poema...

Beijos mil, Amiga de Boas Palavras!!!

Liar disse...

Ola Amiga Xana!

Quanta inspiração, adorei estes momentos!

Bjinhos

Céci

tossan disse...

Que rico, Xana, adorável poesia, nas dunas da alma! Beijo

Secreta disse...

No amor , tudo é possivel :)

Nela disse...

Lindo lindo, linda praia lindos sentimentoa adorei tudo o k escreveste, beijinhosss.

Mirse disse...

Linda Xana!

Amo ver teus versos de amor.

Parabéns!

Beijos

Mirse

Fabricante de Sonhos disse...

E nessa onda que eu vooou!
Xana, muito lindo! Me leva nessa tua onda, please!
É muito amor! É muita poesia!
Estava com saudade de vir atér aqui te ler!

Um beijão estalado!

Fabricante...

Anónimo disse...

Xana,lindo demais o seu blog!Um prazer te encontrar aqui!Sua poesia cheia de sensualidade,tem a sua marca apaixonada!Parabéns!Abraços,

Beatriz disse...

Ola Xana.
Boa tarde.
E um "MINHA" muito tua... sinto muito carinho na maresia do teu olhar...
Deixo um beijo e o meu sorriso.
Bea

Chris disse...

A poesia e o amor são estranhos cúmplices das mesmas palavras...
cumpts,
C.Fernandes

UMA PAGINA PARA DOIS disse...

A glória da amizade não é a mão estendida,
nem o sorriso carinhoso,
nem mesmo a delícia da companhia.
É a inspiração espiritual que vem quando você
descobre que alguém acredita e confia em você.

(Ralph Waldo Emerson)

Visite meu novo blogger
UMA ILHA PARA AMAR
http://eduardopoisl.blogspot.com/

Um grante abraço do amigo Eduardo Poisl

mateo disse...

Este não é um monólogo de amor!
Beijo.

Cadinho RoCo disse...

Na delirante dança do amor pecebemos trejeitos a desafiarem todo dizer da nossa imaginação.
Cadinho RoCo

Afonso disse...

Tão bonito :o

Michele Hubner disse...

me arrepiei.

Xana disse...

Su obrigado pela visita
***
rebeca a minha praia espera sempre umas ondas de paixão e águas cristalinas :)

***
Mirse e Maisha ...obrigado meninas lindas

****
Giane , espero que fiques com uma visão mais bonita rsrsrsrs

****
Liar e tossan , obrigado pelo carinho :)

****
Secreta, é mesmo !!! volta sempre :)
****
Nela , há que fazer da nossa praia uma coisa única!

****
Milla , desculpa mas essa praia é só minha não gosto de coisas a três hehehehehehe

***
Anne , bem vinda a essa manta de emoções :)
obrigado

***
Bea a tua praia também só pode ser assim, pois és doce e carinhosa, obrigado

***
Chris , se deixa-se de haver amor, que seria da poesia, dos contos e novelas?
obrigado pela visita , volte sempre
***
Eduardo, obrigado pelos teus poemas, já lá fui tá lindo!
***
Mateo, amor não pode ser monólogo, nunca...

****
cadinho, um bom desafio é sempre aceite de bom grado, não é???
****
Obrigado Afonso e bem vindo à minha manta de retalhos, volte sempre que quiser

***
michele, deve ser da água estar um pouco fria :) rsrsrsrs
obrigado pela visita

Parapeito disse...

:)) E que essa dança não pare!
*
Uma semana cheia de "musica" e brisas mansas****