quarta-feira, 6 de maio de 2009

Amor



Amor é nuvem de papel,

que voa com emoção.

Amor é o bailar de um batel,

no compasso de um coração.


Amor é sopro quente e doce,

que se sente de mansinho.

Amor é o cantar agridoce,

nos sentidos em desalinho.


Amor é rua estreita e divina,

que nos leva à terra encantada.

Amor é água pura e cristalina,

na pauta de uma balada.


Amor é chuva de prata,

que corre pelo corpo suado.

Amor é risos em cascata,

que alimenta o nosso fado.


Amor é a sensatez madura,

que nos faz bem e acalma o fogo.

Amor és tu minha doçura,

mas nós , falamos mais logo!
AMO-TE
(escrito por mim)
Enviar um comentário