segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Acordem prá vida !




É engraçado, como algumas pessoas se acham importantes e mesmo indispensáveis na vida de outra, mesmo sem a conhecerem. Julgam elas que as conhecem, e será que são só elas que as conhecem mesmo? Ou a pessoa mais próxima também sabe dos pormenores e só não as demonstra por amor ou por comodismo?

Já li algumas vezes em blogs e hi5, alguém que se acha muito aberta nas suas relações virtuais, até mesmo sem nenhum pudor de se querer encontrar com esse ser que está do outro lado. Alguns acham até que sabem mais, do que a própria mulher, namorado ou marido do outrem, será?

As frases escolhidas são, Eu conheço-o, ele se abriu comigo! Ninguém sabe melhor o que ela quer senão eu. Eu podia lhe dar o que ele nunca teve. Quando teclamos, eu sei que ele está a ser ele mesmo.

Pode haver casos, e sei de casos em que arranjaram companheiro ou companheira e até casaram, mas continuo a achar que a maioria das pessoas que abrem blogs ou hi5 ou facebooks,com esta pretensão querem é sexo sem custos.

Afinal, e expliquem-me o que são essas pessoas que se expõem a fazer valer as suas habilidades sexuais , deixa de ser prostituição por não levarem dinheiro? E as pessoas que lhes dão conversa para obter esse serviço, já não sabem de antemão que vão ter aquilo que querem?

Aí tenho a certeza que sim, está tudo ali para um mesmo fim, acho até que há homens e mulheres que indiciam a outra que as amam e que as fazem se sentir valorizadas, e depois, dizem que lhes tê muito carinho e respeito , mas que cada um tem de seguir o seu caminho.

Não é a primeira vez, que dou por mim a pensar nisto, este meio de obter sexo fácil e barato é muito bom , mas não para todos, afinal as meninas e meninos de rua qualquer dia estão no desemprego, pois estas pessoas tão habilidosas disponíveis e boas samaritanas estão a tirar-lhes o lugar. Tem a vantagem, ainda por cima, de se poder escolher o produto com fotos reveladoras dos sítios corporais mais indicadores do bom sexo, e para todos os gostos.

A prostituição é um bem necessário , eu sei disso, há muita gente sozinha, que se sente feio/a e que não tem coragem de iniciar um relacionamento, tantos problemas, mas a minha questão é naqueles que têm família e procuram esse tipo de serviços, vão voçes achar que sou bota de elástico, posso ser, mas quem me garante a mim que a esposa ou marido que estão em casa um dia não poderão apanhar sida ou outra doença , como a hepatite ou doenças venéreas? Sabem que cada vez mais há mulheres na 3ª idade que lhes é diagnosticado sida , por causa dos seus maravilhosos maridos irem mijar fora do penico?

Acho que apesar de cada um ter os seus desejos, pancadas e taradices, não somos animais e devemos nos controlar, devemos preservar as pessoas a quem dizemos que amamos, e não lhes dar desgostos ou a morte.

Afinal quando nos juntamos com alguém, acreditamos nessa pessoa e não há dor maior que a pessoa sentir que viveu na mentira grande parte da sua vida.

Um dia alguém me disse que enquanto se está a gozar e a ter prazer não se pensa nas consequências, e enquanto se conseguir...depois logo se vê!

Essa frase a mim assusta-me.

Sei que há pessoas que se escondem na família que criaram, no trabalho e até no tipo de amizades que têm para não transparecer os verdadeiros seres que eles e elas são, alguns pedem sigilo e muita descrição em todo o processo.

Outros nem por isso têm o desplante de dizerem que são casados e que procuram X ou Y para encontros. Essas pessoas devem estar bem certas que não serão encontradas por pessoas conhecidas, mas o Mundo é pequeno.

Será que era uma bênção ser encontrado? Será que era um alivio alguém saber que a Z era lésbica ou o T bissexual ?

Pergunto-me por fim porque é que essa gente se acha tão importante no papel de prostituta ou prostituto em alguns minutos da vida de quem não conhece ? Será que têm a pretensão de se achar importantes na vida do outro? É estranho para mim, acho que estas pessoas têm muito pouco amor próprio e por isso são presa fácil. Acordem prá vida, só são lembradas quando precisam de ser usadas.


(desabafo meu)


Enviar um comentário